Espírito mudo, sai deste menino! Sai desta igreja!

"E um da multidão, respondendo, disse: Mestre, trouxe-te o meu filho, que tem um espírito mudo" Marcos 9.17

Conheço o texto. Toda exegese bem-feita será abençoada. Mas há figuras de linguagem. Há aquela interpretação que vem não do texto, mas do que ele inspira. E foi o que pensei quando li uma matéria sobre crianças abusadas. O texto do menino com o espírito mudo me veio à cabeça. Achei inspiração do Espírito Santo. Decidi escrever.
Mudas são as pessoas que não podem falar. Não são aquelas que não têm voz, porque as que não têm voz fazem gestos, desenhos, aprendem Libras. Elas não são mudas, apenas possuem outra linguagem. Repito: mudas são as pessoas que não PODEM falar.
E havia um menino que não podia falar. Ele não falava não porque não tivesse voz, mas porque um espírito o impedia de falar. Este espírito é interpretado como uma doença por alguns, como um ser espiritual maligno por outros. Pra mim, neste ponto, diferença alguma faz. Creio no Deus que de igual modo expulsa demônios e cura doenças. Para Ele, se algo não é bom para as pessoas, precisa ser tirado.
Mas o que me implica é que há um espírito que não deixa os meninos e meninas falarem hoje. O espírito que os emudece. O espírito que os ataca e os lança à água, afogando seus sonhos, e os lança ao fogo, queimando seus corpos, de dentro para fora. O espírito que faz suas bocas espumarem de dor e o seu corpo pequeno ficar retorcido. O espírito que os atormenta e não lhes permite a vida de liberdade.
Jesus pergunta: Desde quando isso acontece? Desde a infância!, respondem a Ele. Sim, o espírito que emudece geralmente toma a criança ainda na infância. Ela tem medo, se encolhe, se retorce, sente dor e não pode falar. É o espírito da pedofilia, da violência, do trabalho infantil, do abuso cometido por pais e conhecidos.
Jesus se indigna diante deste espírito do mesmo jeito que se indignou com aquele. E pergunta: Até quando vos sofrerei? Ele se indigna porque seus discípulos foram procurados e nada puderam fazer para mudar aquela realidade.
Trabalhando com um grupo de cerca de 20 mulheres certa vez, ao menos 15 delas me revelaram que foram abusadas de uma forma ou de outra durante sua infância, por pais, irmãos mais velhos, primos, professores, velhos estranhos nas ruas. Algumas foram violadas por seus próprios maridos. Agredidas física ou verbalmente. Humilhadas por pastores e por chefes.
Eu oro hoje para que, diante de Jesus, este espírito mudo caia por terra e liberte os corpos. Que Jesus o repreenda, por sua graça e amor, da vida desses meninos e meninas, tanto os pequenos como os grandes. Pois as crianças dentro dos adultos seguem emudecidas e por isso se transformam, elas também, em demônios que emudecerão outras, se não forem tratadas.
Espírito mudo, sai deste menino, sai desta menina! E por Jesus Cristo, nosso Senhor, que nós, discípulos e discípulas hoje, possamos conseguir fazer alguma coisa! Espírito mudo, sai da igreja também!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O sonho de Jacó (Gênesis 28.12)

Isaías 6.1-8 A brasa do altar

Pagar o preço