Postagens

Mostrando postagens de Março, 2012

Restaurando o altar de Deus

Imagem
Então, Elias disse a todo o povo: Chegai-vos a mim. E todo o povo se chegou a ele; Elias restaurou o altar do SENHOR, que estava em ruínas. (1 Reis 18.30)
Introdução Este é um texto muito conhecido da Bíblia, porque mostra o embate entre o profeta Elias e os profetas de Baal. A reflexão que eu quero partilhar, em parte, me veio ao ouvir ontem uma pregação do pr. Marcelo, da Igreja Batista em Maripá de Minas, a quem dou os créditos pelas palavras inspiradoras e pelos insights que geraram em mim. Ele falou algo que tocou muito o meu coração: podemos repetir a oração de Elias muitas vezes e não ter resultado nenhum. Porque o que devemos imitar não é a oração de Elias, nem suas palavras. O que devemos imitar é a postura de Elias, a obediência de Elias, a consagração, a coragem, a ousadia, a fé de Elias. Enfim, não suas palavras, mas seu viver. E o apóstolo Tiago diz em sua carta que Elias era alguém como nós, sujeito aos mesmos erros e pecados, mas ele orava e Deus ouvia. Por quê? Porque ele…

Odiar dá trabalho

Odiar dá trabalho, guardar ressentimento cansa. Hoje, já liberta de antigas dores, fico me lembrando de tanta energia desperdiçada, chorando pela amargura sofrida. Mas quão bom é liberar o perdão. É difícil a princípio. David Seamands diz que "perdoar é abrir mão do direito de ficar com raiva". Sim, ninguém gosta de abrir mão de direitos. Mas é libertador fazer isso. Não posso impedir ninguém de magoar-me. Mas eu tenho o poder de não me sentir magoada. E quero fazer uso disso, pois estou investindo em mim. E isso é importante.
Dizem que Alexandre Dumas estava andando pela rua com um importante amigo, quando um mendigo passou e cumprimentou-o. Ele respondeu amavelmente e o amigo lhe disse: "Mas este homem não pertence à nossa classe social! Por que se perturba em cumprimentá-lo?" Dumas respondeu: "Uma vez que nossa classe social lhe parece, caro amigo, ser assim tão superior, como poderia eu ser menos educado do que o mendigo?"
Sim, odiar dá trabalho... e às…

A Igreja do Diabo - um conto de Machado de Assis

Longe de mim as polêmicas. Abomino-as com ódio consumado. Mas a gente tem que exercer uma fé que pensa, diz John Stott. E não pude deixar de lembrar o famoso conto de Machado de Assis ao ler a notícia recente de que um templo ateu está sendo construído. Templo e ateu numa mesma frase já é um paradoxo. Enfim... lembrei a sabedoria machadiana. Veja se a conclusão do conto não tem tudo a ver com nossa realidade. Os escritores antigos sabiam das coisas... É para pensar!

A IGREJA DO DIABO

                                                                                       Machado de Assis Capítulo I - De uma idéia mirifíica      Conta um velho manuscrito beneditino que o Diabo, em certo dia, teve a idéia de fundar uma igreja. Embora os seus lucros fossem contínuos e grandes, sentia-se humilhado com o papel avulso que exercia desde séculos, sem organização, sem regras, sem cânones, sem ritual, sem nada. Vivia, por assim dizer, dos remanescentes divinos, dos descuidos e obséquios humanos. Nada…

Ensina a criança no caminho em que deve andar

Imagem
Eu estava voltando de um culto abençoado em nossa congregação, em Itamarati de Minas. Minha filha tinha ido comigo ao invés de permanecer com o pai, na igreja-sede, em Cataguases. Eu a tinha convidado para fazer um solo no culto. Sentada ao meu lado, no escuro da estrada, ela, de repente, me disse: “Sabe, mãe, eu hoje senti Jesus tocar meu coração no culto da manhã. Eu nem sei como eu me sinto quando Jesus toca meu coração assim. Eu abri o meu coração para ele hoje”. Eu fiquei emocionada demais... Amanda tem apenas oito anos. Consternada, eu disse a ela: “Que bom, minha filha. Temos de abrir nosso coração a Jesus muitas vezes ao longo de nossa vida. Às vezes, ele quer se fechar para Jesus. Se a gente deixar, pode ser para sempre. Temos de manter a porta aberta.” Então, ela realmente me surpreendeu, declarando: “Mas eu acho que ter pais pastor e pastora facilita abrir o coração para Jesus.” Eu perguntei: “Por quê?” E ela me disse: “Porque eu vejo as pessoas indo lá em casa e vocês falam de…

Priscila, Áquila e Apolo: mentoreamento e aprimoramento de liderança

Atos 18.18-28
Investir no dom do irmão Há muitas teorias acerca da liderança e pelo menos duas posturas: uma diz que a pessoa que é líder nasce com este dom. A outra diz que se pode aprender a ser líder. Particularmente, prefiro acreditar que toda pessoa pode ser uma liderança, pois ser líder, no aspecto mais bíblico possível, é exercer influência por meio de sua vida e levar outras pessoas a seguirem você. Esta é uma capacidade que pode ser aprendida, por meio da vivência da palavra de Deus e da comunhão na comunidade de fé. Não conhecemos nenhuma pregação de Priscila e não há registros de nenhum escrito de Áquila. Mas, apesar de sua discrição, este casal tem um peso de influência enorme na história da Igreja. Estão associados ao ministério de Paulo e também aparecem no livro de Atos, em diversas referências, como líderes do povo de Deus. No estudo de hoje, veremos sua atuação particular na vida de Apolo, um famoso pregador do Novo Testamento.
Quem foram Priscila e Áquila? Eles aparecem p…